PM flagra menores bêbados e prende empresários durante ‘batida’ em casas noturnas

Operação foi promovida na madrugada deste sábado e contou com o apoio da PMA, Polícia Civil, Semadur e Conselho Tutelar

Diversos adolescentes consumindo bebidas alcoólicas foram flagrados em casas noturnas de Campo Grande, distante 138 quilômetros de Aquidauana, na madrugada deste sábado (09), durante “batida” do 9º BPM (Batalhão de Polícia Militar) – através do Comando de Policiamento Metropolitano. Esta equipe é responsável por coordenar ações em defesa da criança e do adolescente que estão frequentando erroneamente, boates, bailes, promoções dançantes e eventos similares, sem a presença dos pais ou responsáveis.

A operação conjunta também mobilizou equipes da 11ª Companhia Independente da Polícia Militar, PMA (Polícia Militar Ambiental), policiais militares de trânsito, policiais civis, agentes da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana) e Conselho Tutelar.

Na primeira abordagem, na região da Mata do Segredo, os integrantes da operação flagraram menores embriagados em dois estabelecimentos. Os promotores responsáveis pelos eventos acabaram responsabilizados e presos. Nos locais, ainda foram apreendidas todas as bebidas que restavam nos bares, além de diversos papelotes de drogas espalhados pelo chão. A Semadur ainda verificou várias irregularidades nas casas noturnas.

Outra batida aconteceu na região do Jatiuca Park, onde o gerente do local e a responsável pelo bar da boate foram responsabilizados pelos menores embriagados dentro do estabelecimento. Toda a aparelhagem sonora foi apreendida, pois o volume do som ultrapassou os decibéis permitidos, conforme a aferição realizada pela Polícia Militar Ambiental.

Por descumprimento ao ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), todos os responsáveis foram encaminhados para a delegacia. Já os adolescentes foram acolhidos. Vários deles tiveram o estado de embriaguez atestado pelo teste do bafômetro, realizado por policiais militares do Batalhão de Trânsito. As equipes ainda lavraram diversas notificações de trânsito por irregularidades no estacionamento dos veículos.

Orientação

De acordo com a PM, são proibidas a entrada e a permanência de menores de 18 anos, quando desacompanhados dos pais, em boates, bailes, festivais, promoções dançantes e eventos similares, incluindo bailes carnavalescos e réveillon, exceto mediante o alvará judicial.

Cabe aos promotores, administradores e gerentes a responsabilidade solidária, respondendo civil, criminal e administrativamente pela inobservância do ECA e da Portaria da 1ª Vara da Infância e da Juventude da Comarca de Campo Grande. (*Fotos: operação aconteceu em pontos diferentes da Capital – Divulgação/9º BPM)