Pesquisa do Ministério do Turismo elege Mato Grosso do Sul como estado mais hospitaleiro do Brasil

Tocador de berrante, instrumento sonoro feito de chifre de boi, em cavalgada ao pôr do sol. A Cacimba de Pedra Reino Selvagem, reserva aos seus visitantes momentos de intensa emoção ao se visitar o berçário e observatório de jacarés, manuseio de gado, cavalgada, passeios de canoa, pesca recreativa, observação de aves, roda de tereré (bebida típica), caminhadas em trilhas com identificação de espécies da flora e fauna, lida no campo, gastronomia regional com carne de jacaré e licores típicos, e muitas outras atrações. Aquidauana (MS). Foto: Beto Garavello *** Local Caption *** * prazo indeterminado

Em escolha feita por turistas estrangeiros, Mato Grosso do Sul foi eleito o estado mais hospitaleiro do Brasil, recebendo o voto de 99,6% dos participantes. A pesquisa foi feita em agosto do ano passado pelo MTur (Ministério do Turismo).

Os visitantes internacionais colocaram MS à frente de estados como Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e outros famosos do Nordeste, como Pernambuco. Os resultados foram divulgados na última terça-feira (29), data em que é comemorado o Dia da Hospitalidade.

Outro destaque foi a Região Sul, onde ficam os estados logo abaixo de Mato Grosso do Sul no ranking dos mais hospitaleiros – Santa Catarina (99,2%), Rio Grande do Sul (98,9%) e Paraná (98,5%). A pesquisa de demanda internacional do MTur destaca, ainda, os estados de São Paulo e do Rio Grande do Norte, ambos com percentuais de aprovação de 98,4%.

“Este alto índice coloca a hospitalidade do brasileiro como um ativo da maior importância para o turismo nacional, uma vantagem competitiva que contribui para o esforço do MTur de aumentar o fluxo e atrair novos turistas para os nossos destinos”, comentou, por meio da assessoria, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

Além da hospitalidade, apontada como principal item entre os 19 pesquisados no estudo da demanda internacional do Mtur, as outras avaliações são os alojamentos, gastronomia, restaurantes e aeroportos, que também influenciam a percepção do turista e compõem o conjunto de atributos fundamentais da boa experiência turística. (*Foto: MS recebeu o voto de 99,6% dos participantes no ranking dos estados mais hospitaleiros – Beto Garavello/Embratur)