Pescadores são autuados em R$ 4 mil após serem flagrados em embarcação com petrechos ilegais

PMA prendeu o grupo durante fiscalização na Operação Carnaval

Quatro pescadores foram presos e autuados pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Naviraí, no Rio Amambai, no município de Itaquiraí, distante 491 quilômetros de Aquidauana, por pesca predatória. A equipe de policiais realizava fiscalização pluvial na Operação Carnaval, neste domingo (03), quando flagrou diversos petrechos proibidos na embarcação utilizada pelo quarteto, posicionada nas proximidades do Assentamento Santo Antônio.

De acordo com a PMA, os infratores ainda não tinham capturado nenhum pescado e estavam armando diversos anzóis de galho e boias, que são petrechos ilegais. A equipe ainda apreendeu um motor de popa, um barco e retirou do rio vários anzóis de galho e mais boias.

Os pescadores, de 22, 25, 42 e 52 anos, residem no Assentamento Santo Antônio, em Itaquiraí, e não tiveram os nomes divulgados. Eles foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil e autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. A pena é de um a três anos de detenção.

O grupo ainda foi multado administrativamente em R$ 1 mil cada um dos integrantes. (*Foto: PMA está mobilizada para a Operação Carnaval – Divulgação/PMA)