PMA de Miranda autua homem em R$ 1,7 mil por pesca acima da cota permitida

Pescado havia sido capturado na região do Passo da Lontra

Um homem foi autuado pela equipe da PMA (Polícia Militar Ambiental) de Miranda, nesta quinta-feira (11), após ser flagrado com pescado acima da cota permitida por lei.

Conforme a PMA, ele foi levado ao Pelotão por uma equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) do Posto Guaicurus, a qual desconfiou de irregularidades no pescado encontrado na caminhonete Chevrolet/S10 do suspeito.

Diversos exemplares de peixes, que pesaram em torno de 50 quilos, foram encontrados dentro de uma bolsa térmica. Todos constavam dentro dos tamanhos permitidos e tinha sido capturados com petrechos legais, porém, o condutor do veículo não possuía licença de pesca e o pescado estava bem acima da cota permitida, que é de cinco quilos, mais um exemplar e cinco piranhas.

O pescado e o veículo foram apreendidos. Morador de Palmares Paulista (SP), o homem foi encaminhado pelos policiais militares ambientais e rodoviários federais à Delegacia de Polícia Civil de Miranda, sendo autuado em flagrante por crime ambiental de pesca e transporte de produto da pesca predatória. A pena para o crime é de um a três anos de detenção.

Também foi lavrado um auto de infração administrativo e aplicada multa de R$ 1.720,00 contra o autuado, pela equipe da PMA.

O pescado, depois de periciado, será doado para instituições filantrópicas. (*Foto: peixes estavam dentro de uma bolsa térmica, encontrada na caminhonete – Divulgação/PMA)