Presa jovem que deu descarga na filha recém-nascida e colocou corpo em saco de lixo

Ela disse que o parto aconteceu no vaso sanitário

Polícia apura as circunstâncias do crime - Ilustrativa

Após confessar ter matado a filha logo depois do parto, uma jovem de 26 anos foi presa nesta segunda-feira (04), em São Gabriel do Oeste, município distante 278 quilômetros de Aquidauana. As informações são do G1 MS.

De acordo com o portal, a jovem disse à Polícia Civil que deu à luz no vaso sanitário, onde puxou o botão de descarga para matar o bebê. Em seguida, ela colocou o corpo em um saco plástico dentro de uma bacia com água.

Assustada, a jovem passou mal e começou a gritar. O companheiro dela acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que a encaminhou com sangramento ao hospital, onde os médicos verificaram que havia a placenta, mas sem o feto.

A polícia foi acionada pelos profissionais do hospital e realizou buscas na residência da jovem, onde foi encontrado o corpo da criança recém-nascida no saco de lixo, dentro de uma bacia com água e envolvo por uma toalha.

O corpo foi levado ao hospital e, segundo o pediatra, pesava 3,8 quilos. A criança nasceu possivelmente viva e de 38 a 40 semanas de gestação. Tudo indica que a jovem realmente matou a filha, após o parto, muito provavelmente sob a influência do estado puerperal, motivo pelo qual foi autuada por infanticídio.

O marido relatou que ficou um tempo separado da companheira e que eles voltaram há seis meses, além de explicar que só ficou sabendo da gravidez em dezembro.

O caso segue sendo investigado. (*Foto: caso foi registrado nesta segunda-feira – Ilustrativa)