Por unanimidade, Assembleia aprova projeto que prevê intérprete de Libras em bancos de MS

Votação foi acompanhada pela presidente da Associação Estadual de Deficientes da Audição

Parlamentares durante a sessão desta terça-feira - Luciana Nassar/ALMS

Em votação com resultado unânime, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul aprovou, na Ordem do Dia da sessão desta terça-feira (11), o PL (Projeto de Lei) 26/2019, de autoria do deputado estadual Evander Vendramini (PP). A proposta obriga agências bancárias e shopping centers do Estado a disponibilizarem um profissional tradutor e intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais) para atendimento às pessoas surdas, surdocegas e deficientes auditivas.

Outro ponto estabelecido no projeto diz respeito a pessoas com deficiência auditiva ou surdocegas que não se comunicam por Libras. Em situações como essa, o serviço de atendimento deverá ser prestado por guias intérpretes ou pessoas capacitadas para atender essas pessoas com deficiência.

A votação foi acompanhada pela presidente da Aeda/MS (Associação Estadual de Deficientes da Audição), Alice de Souza do Nascimento, que usou a tribuna para agradecer os parlamentares.

“Agradecemos todo o apoio desta Casa. O projeto irá garantir acessibilidade para famílias que, no momento de abrir conta bancária, encontram grandes dificuldades. Ainda trará impacto positivo financeiro e na geração de emprego”, elogiou Alice.