Após 18 dias afastado, senador Nelsinho Trad participa de sessão virtual

Nelsinho foi o primeiro integrante do Congresso Nacional a testar positivo para o novo coronavírus. Ele defendeu projetos de auxílio emergencial a trabalhadores informais e fornecimento de merenda escolar durante quarentena.

Nelsinho Trad durante a sessão virtual, que vem sendo adotada para evitar aglomerações - Divulgação

Ainda em recuperação depois de ter contraído o novo coronavírus (Covid-19), o senador Nelsinho Trad (PSD-MS), aos poucos, retoma os trabalhos legislativos. Nesta segunda-feira (30), após 18 dias afastado, ele participou da sessão virtual em que foram votados dois projetos.

Uma das propostas prevê o repasse de R$ 600,00 mensais a trabalhadores informais. A trabalhadora informal que for mãe e chefe de família terá direito a duas cotas, ou seja, receberá R$ 1,2 mil por mês, durante três meses. A outra proposta estabelece o fornecimento de merenda escolar para estudantes que estão com as aulas suspensas.

Os dois projetos tiveram aprovação unânime e seguiram para sanção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Atento às discussões, Nelsinho celebrou a oportunidade de poder participar da importante votação.

“Aos poucos, vamos retomando ao trabalho. Não poderia deixar de dar o meu apoio e o meu voto a dois projetos muito importantes”, destacou o senador.

Nelsinho Trad durante a votação da sessão virtual – Divulgação

Por também ser médico, Nelsinho, 58 anos, defendeu as recomendações para o enfrentamento contra a pandemia do novo coronavírus.

“As pessoas precisam ficar em casa para evitar a propagação do vírus e também necessitam de suporte para que consigam suprir suas necessidades básicas. Agradeço a todos os amigos senadores pelo carinho que tiveram comigo. Vamos juntos, todos unidos para superar esta pandemia”.

Na próxima sexta-feira (03), o senador passará por exames para ver se o organismo reagiu bem. Na sequência, planeja vir para Campo Grande visitar a família.