Plataforma digital incentiva população de MS a participar da gestão pública

Sugestões e ideias podem ser encaminhadas até o dia 07 de agosto

Usuários podem participar por meio de computadores ou smartphones - Saul Schramm

Iniciativa inédita no Estado, a plataforma “Participa MS” é uma ferramenta desenvolvida com o objetivo de incentivar a população sul-mato-grossense a participar ativamente da gestão pública. É possível contribuir com sugestões e ideias que irão auxiliar para a formatação do projeto de lei que define as prioridades do Governo de Mato Grosso do Sul para os próximos quatro anos, o PPA (Plano Plurianual).

Por meio do endereço eletrônico www.participa.ms.gov.br, os usuários têm a chance de direcionar o orçamento para bens e serviços essenciais à população. De acordo com o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, a iniciativa é uma forma de proporcionar uma gestão participativa, com ênfase em boas práticas de gestão, que, além de atenderem as expectativas da sociedade, melhorem os indicadores sociais e potencializem investimentos, gerando competitividade e criando oportunidades.

“O descompasso entre as exigências da sociedade e a capacidade de resposta imediata para as demandas sociais põe em xeque a eficiência administrativa na forma como a concebemos. Embora qualquer processo de mudança seja visto com ceticismo, o governador Reinaldo Azambuja está modernizando as estruturas em setores que o Brasil ainda não consegue avançar”, explicou o secretário.

A plataforma proporcionará ao Governo do Estado acesso a dados e ferramentas capazes de cruzar informações e, com isso, destinar melhor os recursos e, consequentemente, reduzir as despesas. A regionalização das demandas e a confirmação do modelo de gestão transparente adotado pelo Executivo também estão entre os pontos positivos da iniciativa.

Com layout simples, a plataforma tem navegação prática. Na página inicial, o usuário pode acessar as opções de cadastro. Para o pré-cadastro, são solicitadas informações como nome completo, CPF, endereço de e-mail, município de origem, idade, sexo e uma senha de quatro dígitos. Em seguida, basta acessar e escolher as áreas de participação, elencando as demandas que são prioritárias para a sua região.

O prazo para participar e ajudar o Governo do Estado a investir melhor no seu município vai até o dia 07 de agosto, seja via computadores ou smartphones.